Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
24/03/17 às 14h47 - Atualizado em 29/10/18 às 15h41

Auditoria Cívica: equipe da Controladoria visita unidades básicas de saúde do DF

COMPARTILHAR

A iniciativa visa melhorar a saúde pública no DF e solucionar problemas enumerados no relatório da auditoria.

 

O controlador-geral do DF, Henrique Ziller, esteve nesta quinta-feira (23), na Unidade Básica de Saúde da Granja do Torto – na Vila Weslyan Roriz, para avaliar as condições de atendimento e estrutura daquele local. A visita fez parte do retorno às 63 unidades básicas de saúde do DF que integraram o projeto Auditoria Cívica na Saúde, implementado pela Controladoria-Geral do DF – CGDF, em parceria com o Instituto de Fiscalização e Controle – IFC, em junho de 2016.

 

Além do controlador, servidores da CGDF, representantes do Ministério Público do Distrito Federal e Territórios, do IFC e voluntários percorreram as unidades de saúde para averiguar se os achados da auditoria foram resolvidos.

 

O retorno aconteceu 120 dias após a entrega do relatório à Secretaria de Saúde, ao Governador do Distrito Federal e à própria CGDF. No documento, constam 2871 recomendações para melhoria nas unidades de saúde visitadas.

 

O controlador-geral explica que o problema detectado durante a auditoria cívica na unidade por ele visitada é referente à infraestrutura. “Para equacionar o apontamento constante no relatório, seria necessária uma ampla reforma ou, até mesmo, a construção de nova instalação”, explica. No entanto, destaca Ziller, impressiona a qualidade do atendimento que os pacientes recebem no local – “o trabalho do Dr. Tiago Neiva é exemplar e é um diferencial para aquela comunidade. Impressiona a forma como ele se dedica ao atendimento dos pacientes e se envolve com cada um”, diz.

 

Durante a inspeção realizada em junho passado, além de apontar os problemas, os auditores cívicos também registraram casos que se destacaram pelos bons serviços prestados nas unidades de saúde. O médico Tiago Sousa Neiva é um dos identificados. Estudioso da Atenção Primária, é considerado pela comunidade da Granja do Torto um exemplo de servidor público. “Os auditores cívicos constataram a excelência do trabalho dele. Como faz o acompanhamento diário com cada um de seus pacientes”, explica Ziller.

 

O resultado do retorno constará em novo relatório que deve ser elaborado nos próximos 30 dias.

 

Governo reformula Estratégia Saúde da Família

No dia 15 de fevereiro saiu publicado no DODF a Portaria nº 77, estabelecendo a nova política de atenção primária no DF. A ideia central é fazer com que todas as unidades básicas do setor funcionem com equipes da Estratégia Saúde da Família. As mudanças constituem um conjunto de ações a fim de melhorar os mecanismos de prevenção de enfermidades.

 

O documento da Secretaria de Saúde traz sete diretrizes a serem seguidas para promoção de bem-estar voltado para a família: acolhimento, classificação de risco, resolubilidade, territorialização, acompanhamento, garantia de acesso e ordenação da rede pública.

 

A iniciativa do Governo vem ao encontro das necessidades de melhorias para a saúde pública no DF e solucionará problemas enumerados no relatório da auditoria.