Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
30/06/17 às 19h50 - Atualizado em 29/10/18 às 15h37

Ministério da Transparência participa da 23ª Reunião Técnica do Conaci

COMPARTILHAR

O Ministério da Transparência e Controladoria-Geral da União (CGU) – por meio da Secretaria Federal de Controle Interno (SFC) –  participou nesta quinta-feira (29), em Brasília (DF), do Seminário Gestão de Riscos e Controle Interno como Instrumentos de Governança. O evento marcou a abertura da 23ª Reunião Técnica do Conselho Nacional de Controle Interno (Conaci), no auditório da Câmara Legislativa do DF, com a presença gestores federais e distritais, além de representantes de órgãos de controle de todo o país.

 

Na ocasião, o secretário Federal de Controle Interno, Antônio Carlos Leonel, ressaltou que a gestão de riscos é fundamental para mudar o contexto fiscal severo e desafiador que atinge o país. “Gerenciamento de risco não é somente para atender controles. É melhorar a gestão e a entrega de resultados à sociedade. Atualmente, o maior risco de auditoria é direcionarmos os esforços de controle para situações que não trazem retorno à população”, afirmou.

 

O seminário, promovido pela Controladoria-Geral do Distrito Federal (CGDF), visa aproximar os participantes das práticas de gestão de risco, ou seja, procedimentos que organizam e planejam recursos humanos, materiais, infraestrutura e metodologias no dia a dia dos órgãos. Em discurso de abertura, o controlador-geral do DF, Henrique Ziller, destacou que o principal objetivo do trabalho de controle é qualificar a gestão pública. “Precisamos atuar para prevenir qualquer irregularidade, principalmente, o mau uso do recurso público”, disse.

 

A programação de abertura contou com palestras como: “A importância da gestão de risco para a melhoria da governança”, do coordenador de Ações Estratégicas da Controladoria-Geral do Ceará, Marcelo Monteiro; “Gestão de controles internos COSO e as três linhas de defesa”, do assessor especial de Controle Interno do Ministério do Planejamento, Rodrigo Fontenelle; e “Gestão de risco na Controladoria-Geral do DF”, com o coordenador de Gestão de Riscos do órgão, Paulo Ribeiro Lemos. O evento se encerra nesta sexta-feira (30).

 

Gestão de Riscos

A CGU publicou, em junho, a  Instrução Normativa (IN) nº 3/2017 que aprova o referencial técnico de auditoria interna governamental do Poder Executivo Federal. Uma das principais mudanças é o alinhamento da atividade aos conceitos de gestão de riscos e governança, conforme previsto na Instrução Normativa Conjunta MP/CGU nº 01/2016. Além disso, a CGU tem investido na capacitação de servidores federais. Desde o ano passado, foram capacitados aproximadamente 3,5 mil servidores na área de gestão de riscos.

 

Fonte: Assessoria de Comunicação da CGU