Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
9/07/13 às 13h02 - Atualizado em 29/10/18 às 15h42

4ª Reunião de Ouvidores

COMPARTILHAR

Durante o encontro, ouvidores puderam compartilhar experiências e planejar melhorias

A Ouvidoria Geral do DF promoveu a 4ª Reunião de Ouvidores do GDF nos dias 4 e 5 de julho, de 9h às 18h, no auditório da Fundação de Ensino e Pesquisa em Ciências da Saúde (FEPECSA) com o objetivo de expor e compartilhar experiências com a implantação dos novos serviços e promover debates sobre o papel do cidadão e das ouvidorias dos órgãos do governo.

A Secretária de Transparência e Controle, Vânia Vieira, abriu a reunião contextualizando o evento com as manifestações sociais recentes vividas em todo o Brasil. “Esta reunião não poderia acontecer num momento melhor, pois precisamos ficar atentos às vozes que vêm das ruas. Esta busca por um canal mais amplo de participação e controle social precisa ser também de cada ouvidoria”, destacou Vânia.

A Secretária também ressaltou que a Ouvidoria-Geral do GDF, unidade da Secretaria de Transparência e Controle – STC, está à disposição de todas as ouvidorias setoriais para que o Distrito Federal possa consolidar a sua rede de Ouvidorias, que hoje já é referência em todo o país. “Juntos podemos fazer mais e melhor na prestação de um serviço efetivo e de qualidade ao cidadão”, destacou.

Já a Ouvidora Geral, Vera Lúcia Coelho, chamou a atenção para a importância do sistema eletrônico de Ouvidoria do GDF, o qual permite o levantamento de dados referentes a todas as manifestações recebidas de cada cidadão, informações de caráter estratégico que contribuem decisivamente para a melhoria das políticas públicas e dos serviços oferecidos à população. “Precisamos compreender o valor da ferramenta de gestão que temos à nossa disposição”, salientou Vera.

Esta 4ª Reunião de Ouvidores foi realizada com o objetivo de compartilhar casos e experiências exitosas e também desafios enfrentados pelas Ouvidorias. O encontro contou também com a apresentação da coordenadora da Ouvidoria da Secretaria de Educação do DF, Evelyne Cunha, que proferiu a primeira palestra. Ela expôs um estudo de caso dos resultados alcançados nesta gestão. Segundo Evelyne, não há uma fórmula ou capacitação técnica para lidar com a população, mas o que existe é o relacionamento, atenção que se dá pela sensibilidade em atender cada demanda atendida.

Ouvidoria-Geral do GDF

Desde o dia 25 de março deste ano, estão disponíveis para a população dois novos canais de atendimento de ouvidoria: o telefone 162 e o site www.ouvidoria.df.gov.br .

Além disso, o cidadão pode optar pelo atendimento presencial nas ouvidorias especializadas e, em caso de denúncia, na Ouvidoria-Geral do GDF.

Com a implantação dos novos serviços, até a data do evento foram registradas 62.323 manifestações, sendo que desse montante, o maior número de registros, 42.571, foram feitos por telefone. A internet é a segunda opção mais requisitada, atendendo a 8.435 demandas.

A rede de ouvidorias tem a finalidade de incentivar o uso da internet para registrar as demandas. Dessa forma, o cidadão pode registrar e consultar o andamento de sua demanda a qualquer momento.

Bruno Santana (estagiário) – revisão: Jornalista Clara Santos